Girls in Tech debate educação e tecnologia no Rio

brazil
  • By: brazil
  • In: Events, home
  • Posted: dezembro 14, 2015

Segundo meetup na cidade maravilhosa reuniu público diverso

Cariocas não gostam de dias nublados, mas a chuva que caiu no Rio de Janeiro na noite de quarta-feira, 02 de dezembro, parece não ter abalado o público que compareceu no 2º meetup do Girls in Tech Brasil no espaço Olabi, em Botafogo, zona sul da cidade. Trinta pessoas compareceram ao encontro, de estudantes do ensino médio a professoras universitárias, passando por programadoras, empresárias e profissionais de marketing e comunicação, além de homens também ligados à tecnologia.

Monique Corrêa, articuladora do Girls in Tech no Rio de Janeiro abriu a noite explicando sobre a organização global sem fins lucrativos que foca no engajamento, educação e em trazer empoderamento das mulheres que trabalham no mercado de tecnologia. O GIT tem três pilares: educação formal (desde o ensino médio), networking & mentoria e formação profissional.

Em seguida veio a palestra de Ana Luísa Santos, do MobGeek, falando como que falou de sua experiência acadêmica na engenharia que culminou com em um mestrado no MIT Media Lab. Sua fala abriu um debate sobre as diferenças do perfil do aluno e do ensino oferecido no Brasil e no Exterior (do ensino médio à universidade), e sobre o insignificante número de engenheiros formados no país quando comparado a países como EUA e Índia (e como esse número é ainda mais baixo em relação às mulheres engenheiras).

Fechando a noite, houve uma rodada de pitchs de um minuto que introduziu uma conversa sobre os diferentes tipos de pitchs – elevator pitch (que tem até um minuto) e pitch decks (de 3 a 5 minutos) – além de dicas e melhores práticas de como promover e apresentar seu negócio a diferentes tipos de público parceiros, clientes ou investidores, possibilitando muitas trocas entre as empreendedoras.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *